Retired

"Retired" by Paulo César Silva

“Retired” by Paulo César Silva
Porto, Portugal | January’15

” Eu sempre venho aqui, há muitos muitos anos que eu venho aqui! Antigamente vinha com a Alice, sempre à mesma hora, sentávamo-nos aqui neste mesmo banco e eu punha-te o braço à volta do ombro, agora como já não tenho ombro algum, encosto o meu braço às costas do banco e por momentos volto a sentir-me acompanhado, a sentir que ainda estás aqui e há muita luz à nossa volta! Nunca deixarei de te vir abraçar, especialmente nos dias de luz que sempre encontraste para nós nos dias mais tenebrosos”

por Rute

Advertisements

23 thoughts on “Retired

  1. Como compreendo este senhor. Já não suporta ficar em casa a ver os programas mata-velhinhos (Goucha, Fátima Lopes, Júlia Pinheiro, etc).
    Assim vem para a rua, e quem sabe, ainda tem a sorte de ver passar umas jovens de lycra, de mini-saia, de camisa com decote até ao umbigo. E se tiver mesmo muita sorte, ainda dá colinho a alguma…

  2. ” Eu sempre venho aqui, há muitos muitos anos que eu venho aqui! Antigamente vinha com a Alice, sempre à mesma hora, sentávamo-nos aqui neste mesmo banco e eu punha-te o braço à volta do ombro, agora como já não tenho ombro algum, encosto o meu braço às costas do banco e por momentos volto a sentir-me acompanhado, a sentir que ainda estás aqui e há muita luz à nossa volta! Nunca deixarei de te vir abraçar, especialmente nos dias de luz que sempre encontraste para nós nos dias mais tenebrosos”…
    Eis o meu comentário a esta belíssima fotografia. adorei!
    1 bj

  3. Também quero chegar à mesma idade do senhor. Também quero chegar na idade dele, e ir para o parque apreciar as “vistas” que passam vestidas de lycra. Quero, mas se calhar não o conseguirei, porque pelos vistos vou ter que trabalhar até entrar directamente na cova…

    O efeito criado pelo raio de luz ficou espectacular. E também faço eco do pormenor do “algo esbranquiçado” que a Ana já referiu.

    • ora bem, podes sempre arranjar um emprego de jardineiro na câmara… não tens tempo para estar sentado, mas podes apreciar as vistas vestidas de lycra 😀
      Obrigado Remus!

  4. Initially, you think:..how idyllic and then ..looks a bit sad, his demeanour , nothing to do but to sit and stare.. What is he thinking I wonder. Lovely light, and a wonderful photo..Just Right.

  5. Só espero que não seja uma coisa molinha, o que está debaixo do banco, onde o senhor está sentado… mesmo na direcção do outro pézinho… quando o resolver colocar no chão…
    A foto está belíssima! Talvez só tivesse dado um ligeirinho corte à esquerda, para eliminar algo esbranquiçado que se encontra no chão, ao lado do banco.
    Aquele ligeiro raiozito de sol, sobre o banco, ficou tremendamente bem apanhado, sem excesso de iluminação.
    Bela foto, Paulo!
    Bom começo de semana! Abraço!
    Ana

    • também não sei o que é aquilo esbranquiçado, provavelmente lixo… pelo menos lixo fotografico! 🙂
      mas o que está debaixo do banco é bem duro… é um deputado… ops! quero dizer, calhau! 😀
      Obrigado Ana!

  6. Uma cena que se vê cada vez mais nos bancos dos nossos jardins. Gente só, ou solitária?
    A foto está tão forte que quase apetece sentar ali ao lado!

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s