A Walk in Silence

"A Walk in Silence" by Paulo César Silva

“A Walk in Silence” by Paulo César Silva
Cinfães, Portugal | December’14

Advertisements

23 thoughts on “A Walk in Silence

  1. My favourite kind of walk. Exquisite capture. Love the lonely, detached feeling- yet there is a confidence of step, an acceptance and even comfort in the quiet, isolated moment. Wonderful image. Joyous cheers,

    smiling toad

  2. Esta atmosfera carregada de misticismo, aliado ao facto de ser uma fotografia tirada por um “canudo”, deu-lhe um toque quase voyeurista.
    O grande segredo é a fotografia ter sido tirada em Cinfães. Só pode!

  3. Sou um grande admirador das tuas fotografias, mas desta vez há um pormenor na fotografia que não me agradou.
    A vinhetagem, não sei se foi edição ou não, mas não me agradou. Regra geral, a vinhetagem em fotografias não me agrada.
    Atenção que só foi a vinhetagem, tirando isso é mais fotografia tua que me agrada muito em ver.

  4. É mesmo daquelas que eu gosto. O nevoeiro que envolve o homem cria um ambiente de calmaria e ao mesmo tempo de alguma tensão. é caso para dizer que aqui é melhor não dizer mais nada para não estragar…
    1 bj

  5. Gosto deste silêncio de olhar sem pensar, do recolhimento que esta foto inspira. A neblina instalou-se por aí e tu sempre atento, misturaste-te no meio dela e captaste um bom momento.

  6. E cada vez mais me convenço, de que o silêncio é mesmo de ouro… quem mais fala, mais mente…
    E se há silêncios que dizem tudo, há palavras usadas a monte que não dizem mesmo nada…
    Adoro a atmosfera da imagem… sossego e recolhimento, e um virar de costas para o mundo… volto e meia faço isso, e recomendo… é cá um descanso…
    Excelente foto, Paulo! E volto para o aconchego da minha gripe… que me deixa também a ver tudo, um bocado turvo…
    Abraço
    Ana

    • acho que o silencio é bom mas de forma moderada… falar é muito importante, mas também de forma moderada! Já dizia o meu avô que nós temos 2 olhos, 2 ouvidos e apenas 1 boca, portanto devemos ouvir e observar o dobro daquilo que falamos… claro que há aqueles que falam pelos cotovelos 😀

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s